quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Bêbado na cremação da sogra



O cara na cremação da sogra tava num baita porre, já não se agüentava mais em pé.
Nisto, os filhos, genros, noras, netos, consternados em volta da urna funerária, onde estavam depositados os restos mortais da velha, que fora cremada. Quando em certo momento o genro subiu em uma cadeira, quase caindo, pediu a atenção de todos, pois queria fazer uma homenagem.
Todos ficaram surpresos com a atitude do bebum, porém, falaram para que ele fosse em frente e rendesse as últimas homenagens a sua sogra.
Foi quando ele estufou o peito e disse:
- E agora, uma salva de palmas pro “Assador”.
Postar um comentário